quarta-feira, 21 de julho de 2010

Adianta?

Quando é maior e melhor que amor, não termina, mesmo quando a relação se desfaz. (Martha Medeiros)


Dessa vez tô suportando tudo em silêncio, te amando quietinha, de longe.

Sem mensagens, cartas, email, ligações, nada. Tá tem o blog, mas acho que nem lê mais então ta valendo.

E sei lá, de que adianta mostrar pra todos o quanto eu te amo, o quanto nós temos que ficar juntos, e quanto combinamos se você não é capaz de se mexer e tornar isso possível? De que adianta se você não dá um passo em minha direção, só continua indo pra longe, ignorando o caminho que o seu destino aponta? De que adianta dizer que me ama e que sou a guria certa, se ao mesmo tempo insiste em dizer que tudo ta errado? De que adianta tentar te mostrar se você não quer ver? De que adianta dizer que temos que fazer o que der vontade se você sempre acaba ignorando as próprias? De que adianta sair por aí com um falso sorriso no rosto se os olhos traem, e mostram que é só disfarce? De que adianta procurar calor em outros abraços se é o seu que aquece? De que adianta ter você ao meu lado, mas tão fora de alcance? De que adianta pintar um dia de Sol e sair de casa, se lá fora vejo você por toda parte e tudo vira chuva? De que adianta dizer que “o pra sempre sempre acaba” e depois mostrar que continua sendo “Always, all ways” ?

De que adianta tudo isso afinal? Não adianta nada eu acho, mas continuo tentando.


4 comentários:

Elisa Salazar disse...

Oi, adorei seu blog. Esreve muito bem ! :D Valeu pela visita, volte sempre! Tô seguindo viu? Bjs!

Karine Melo disse...

Tah, que textinho lindo!

parabéns!

beijoo ;*

Alice disse...

Lindo o que voce escreveu, expressou os sentimentos de forma doce. Imagino o quanto doi, todo mundo passa por isso... esses amores... Doi muito neh?


Obrigada pela visitinha em meu blog, seja sempre bem vinda.

Te sigo.

Tudo muito lindo por aqui.

' Tah. disse...

E como dói viu!É dureza.
obrigada :*

Olha aí!

Miss You Too Much Sarah Connor (TRADUÇÃO) HD (Lyrics Video)
Há um ano
Mas de tudo isso, me ficaram coisas tão boas…
Há 2 anos

Últimos Posts